Potabilidade de Água

Sistemas para a potabilização da água para o consumo humano

Aspectos legais da potabilidade das águas

Segundo a Portaria de Consolidação nº 05/2017, editada pelo Ministério da Saúde, considera-se solução alternativa de abastecimento toda a fonte de água que não seja proveniente de Concessionária ou Autarquia de Saneamento.

Fontes alternativas como poços profundos e águas superficiais devem atender aos aspectos legais e de controle sanitário para fornecimento da água potável ao público. Sistemas de Tratamento são necessários para atingir os índices de qualidade e permitir o seu controle.

Mensalmente deverão ser realizadas coletas e a emissão de laudos analíticos com selo INMETRO conforme NBR ISO/IEC 17025:2005 para os parâmetros: Cloro Residual Livre, Fluoreto Total, Cor Aparente, pH, Turbidez, Bactérias Heterotróficas, Coliformes Totais e Escherichia coli.

Através de 01 (um) profissional da área química devidamente registrado e regularizado junto ao órgão CRQ IV-Região, este será o responsável pelo cadastro no SISAGUA para monitoramento da potabilidade da água distribuída no empreendimento, atendendo os padrões estabelecidos pela Portaria de Consolidação nº 05/2017.

Vantagens dos sistemas

O Sistema MULTIAGUA permite realizar a correção do pH e dosar o Desinfectante para que seja possível atender a reserva de Cloro Livre, conforme as Resolução Consolidada n⁰ 5 do Ministério da Saúde atendendo aos padrões de Potabilidade para a distribuição e consumo humano nos empreendimentos comerciais, industriais e de serviços.

Pensando nisso a Multiagua desenvolve estudos e projetos que possibilitam o atendimento à legislação vigente, desde a aplicação mais simples (Cloração) até a remoção de Ferro, Manganês, Turbidez, Cor, Chumbo, Zinco e Fluoreto.

Vendedor Converse com um especialista