A importância no tratamento de efluentes industriais

A preocupação com o meio ambiente está sendo priorizada cada dia mais, inclusive nas indústrias, as quais buscam alterações em seus processos diários que podem amenizar os impactos ambientais, assim construindo uma imagem melhor perante a sociedade e seus clientes.

Um dos processos que vem ganhando a atenção nas indústrias é a forma como é feito o descarte de efluentes e como encontrar uma forma de diminuir os prejuízos na natureza.

No Brasil, o CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente), é o órgão responsável por regularizar os processos realizados pelas empresas que possam causar danos ao meio ambiente, sendo que o despejo de efluentes deve estar de acordo com a resolução nº 430/2011.


O que são efluentes?

O resíduo líquido que é produzido durante processos industriais e depois descartado é chamado de efluente.

Carregados de elementos químicos, o efluente é carregado de contaminação e seus resíduos dependerão do segmento da indústria. Empresas alimentícias, por exemplo, possuem grande quantidade de resíduos orgânicos presentes em seus efluentes.

Os efluentes industriais podem ser analisados de acordo com alguns aspectos:

– Quantidade de resíduos sólidos presentes;
– Cor e turbidez;
– Temperatura;
– Nível de pH;
– DBO (demanda bioquímica de oxigênio);
– DQO (demanda química de oxigênio).


Malefícios do não tratamento dos efluentes industriais

Sempre que a água utilizada nos processos industriais recebe a contaminação por resíduos ela deverá passar pelo processo de tratamento antes de fazer o seu devido descarte, sendo que a empresa é responsável por todo o processo de armazenamento do efluente, transporte, tratamento e descarte correto.

O não tratamento dos efluentes podem causar inúmeros malefícios, tanto para a empresa quanto para o meio ambiente. Veja abaixo alguns deles:

– Poluição e contaminação do solo e da água;
– Grande ameaça para a fauna e flora;
– O descarte incorreto pode ser considerado crime ambiental, acarretando severas punições para a empresa;
– Alteração no ecossistema;
– Pode ser prejudicial a saúde da população, a partir do momento em que os efluentes contaminam a água potável;
– A indústria fica impossibilitada de conseguir a aprovação de financiamentos, já que para tal é necessário o licenciamento ambiental para projetos financiados;
– Perda de clientes e possíveis clientes, devido ao aumento pela busca por empresas ecologicamente corretas e que pregam a responsabilidade social e ambiental.


Etapas para o tratamento de efluentes industriais

Para realizar o tratamento dos efluentes industriais, é necessário que primeiro seja realizada uma análise do mesmo, assim identificando o grau de poluentes e quais elementos contaminantes estão presentes e em que quantidade.

Após determinar a situação dos efluentes, dá-se início as etapas de tratamento, sendo que a quantidade de etapas necessárias dependerá de cada efluente.

Conheça as 4 etapas de tratamento para efluentes industriais:

– Tratamento preliminar: etapa responsável por prevenir os equipamentos industriais de possíveis danos. É nessa etapa em que é feito o ajuste do pH e neutralização de resíduos. Para o tratamento preliminar normalmente são utilizados grades, peneiras e caixas de areia, com a intenção de criar uma barreira para reter os resíduos maiores e sólidos;

– Tratamento primário: esse é o momento em que é feita a remoção de possíveis elementos sólidos que estejam flutuando pelo efluente. É através da utilização de produtos químicos que é feita a separação do poluentes (chamado de floculação) e decantação para separar o líquido dos resíduos;

– Tratamento secundário: a partir dessa etapa já é possível fazer o descarte do efluente dentro das normas estabelecidas, desde que a água não seja destinada para o consumo humano. Através de processos bioquímicos é feita a remoção de toda a matéria orgânica que as outras etapas deixaram passar. Se bem realizada, essa etapa pode garantir um efluente com até 95% livre de poluição;

– Tratamento terciário: caso a indústria opte por não fazer o descarte do efluente durante o tratamento secundário, ainda poderá ser realizada mais uma etapa, a qual é responsável por preparar o efluente para o reúso. A água de reúso servirá para fins não potáveis e poderá ser utilizada pela indústria novamente. Nessa etapa é realizado um tratamento mais agressivo, buscando a remoção de substâncias específicas, como metais pesados, por exemplo.


Benefícios da água de reúso

Após os efluentes industriais serem tratados corretamente, as indústrias passa a poder reutilizar a água para diversos processos, deixando de consumir a água potável da população.

Alguns dos processos que podem fazer uso da reutilização dessa água são: refrigeração, alimentação de caldeiras, lavagem do espaço físico da indústria e outros processos.

A partir do momento em que a empresa optar por fazer o reúso de seus efluentes, ela passa a ser beneficiada em alguns aspectos e a gerar outros benefícios para a população, como:

– A empresa passa a ter uma imagem positiva perante a sociedade devido sua preocupação com o meio ambiente, podendo até mesmo gerar o fechamento de novos negócios;
– Ocorrerá a valorização de marca e de produto da empresa;
– Com a redução da utilização da água potável para os processos, haverá uma economia maior nas contas;
– A partir do momento em que a empresa passa a utilizar menos os recursos potáveis, a população passa a ter uma parcela maior para seu uso no dia a dia;
– A contaminação das águas será menor, proporcionando uma qualidade maior na água que é entregue para toda a cidade;
– A indústria passará a fazer parte da colaboração para a preservação do meio ambiente e reservas naturais, pois passará a captar uma menor quantidade de água;
– Possuirá recursos suficientes para seus processos, sem necessitar do consumo de água potável;
– Contribuirá para o consumo consciente, fazendo parte de uma redução de períodos de escassez.


Soluções para o tratamento de efluentes industriais

Os equipamentos e etapas necessárias para o tratamento dos efluentes dependerá de análise de características, espaço, vazão e outros fatores.

A Multiagua oferece um serviço completo para o tratamento de efluentes industriais, indo desde a realização de uma consultoria particular e desenvolvimento de projetos personalizados, até soluções para cada uma das etapas de tratamento.

Além disso, ainda oferece qualidade garantida em cada um dos serviços, sendo uma empresa certificada pelo ISO 9001 desde 2005.

Saiba mais sobre todas as soluções eficientes para tratamento em águas industriais que a Multiagua pode oferecer.

E para saber sobre o tratamento de efluentes industriais,  clique aqui!

Solução completa Multiagua

Tratamento de Efluentes

Produtos Químicos (Descolorantes, Coagulantes e Polímeros)

São produtos químicos especialmente formulados para melhorar o desempenho em processos de tratamento de Efluentes e de Reuso.

A combinação entre eles permite uma Eficiente Remoção de Cor, aliado a Redução de Carga Orgânica (DBO) e maior Decantabilidade dos Sólidos Suspensos.

Consultoria com Projetos Personalizados

Nossa estrutura profissional oferece 3 Níveis de Consultoria especializada:

Projeto Completo que inicia na caracterização do efluente, alocação da área, dimensionamento das unidades de tratamento, projeto executivo, acompanhamento de implantação até a posta em marcha.

Melhoria de Desempenho que faz uma assessoria integral em todos os processos de tratamento e apresenta um Plano de Trabalho com as necessidades da planta, recursos disponíveis e a serem implantados, indicadores de eficiência e monitoramento operacional que permitem uma nova Gestão da ETE.

Retrofit de ETE que consiste em diagnosticar as atuais unidades com uma avaliação estrutural e funcional, projetando o atendimento aos novos parâmetros legais ou de crescimento da indústria através do dimensionamento de equipamentos e processos para o projeto executivo atualizado.

Calha Parshall

Equipamento utilizado em canal aberto para medição da vazão instantânea de líquidos. Nossa MULTIMED é fabricada em fibra de vidro, possui régua de medição em aço inox 304 e pode receber o medidor ultrassônico para totalização de volume.

Peneira Estática e Autolimpante

A Peneira Estática Autolimpante MULTIPEN, construída em aço inox 304, é destinada à remoção de sólidos em suspensão no efluente, tais como fibras de algodão, restos de tecido, couro e outros, com tamanho superior a 1,00 mm, protegendo assim os demais equipamentos da Estação de Tratamento de Efluentes de possíveis quebras ou entupimentos.

O equipamento que pode ser alimentado por gravidade ou por bombeamento, não necessita retrolavagem para limpeza e os sólidos caem automaticamente no tanque coletor. Requer pouquíssima manutenção, uma vez que não possui partes móveis.

Membrana Difusora de Ar

As Membranas Difusoras de Ar produzem bolhas finas que permitem maior transferência de oxigênio para o meio líquido. São construídas em EPDM (borracha de alta resistência química e física) e podem ser instaladas em Tanques (civil, metálico, polipropileno) ou Lagoas (talude com PEAD).

Soprador de Ar

O Soprador de Ar tipo Roots é construído sobre chassi de perfis com pintura anticorrosiva, silenciadores de entrada e saída, filtro de ar com indicador de sujidade, válvula de retenção e de segurança além de coxins antivibratórios e protetores de polias e correias. Manômetro e Junta de expansão em inox acompanham o equipamento, além do Motor elétrico de alto rendimento.

Com o sistema de acionamento por Inversor de Frequência, permite a economia de energia elétrica e também a automação do processo através de Medidor de oxigênio para fluídos.

Ponte Raspadora

A Ponte Raspadora de Lodo MULTIPONT, com Tração Periférica, tem por finalidade a remoção do iodo decantado provenientes de coagulação química ou flocos oriundos do tratamento biológico.

A MULTIPONT foi projetada para se obter uma remoção de iodo eficiente, sem provocar turbulência, sendo constituída por Defletor de Alimentação, Vertedores e Placas para retenção, além de Braço Raspador com fixação roscada na estrutura de suporte com passarela/guarda-corpo e também de moto-redutores para o acionamento das partes móveis.

Adensador

O Adensador de Lodos MULTIADENS é um equipamento com fundo inclinado para aumentar a concentração do lodo pelo processo de decantação. O lodo decantado é então recalcado para o sistema de desaguamento para prensa desaguadora, filtro prensa, decanter ou centrífuga.

O MULTIADENS é construído em aço carbono SAC41 revestido com pintura epoxi de alta qualidade e proteção, com opções em aço inox 304 e Polipropileno.

Prensa Desaguadora de Lodo

A prensa desaguadora MULTIPRESS é um equipamento de deságue mecânico através de esteiras e cilindros, produzindo uma torta de lodo com elevado teor de sólidos de até 20%.

A MULTIPRESS é construída em aço inox 304 jateado e possui Tanque de mistura e floculação, Dispositivo de prensagem, Esteiras, Dispositivo para lavagem da esteira e Painel elétrico e pneumático.

Decantador

Os decantadores ocupam um papel de relevância no conjunto, uma vez que neles se processa a decantação, a retirada do lodo e o afastamento do seu excesso.

Decantador biológico

Esta unidade tem como prioridade a retirada do lodo após o tanque de aeração, fazendo a clarificação do efluente e promovendo a recirculação para a ativação do processo biológico.

Decantador químico

Os flocos formados na fase de floculação serão precipitados nesta etapa por processo físico-químico, sendo o lodo acumulado e descartado para o adensador de lodos.

Nossos Decantadores MULTIDEC são construído em 2 formatos:

Circular – obra civil em conjunto com a MULTIPONT, em aço carbono SAC 41 revestido por pintura epoxi e também em aço inox 304 com fundo incluindo em obra civil.

Retangular – aço carbono SAC 41 revestido por pintura epoxi em conjunto com perfis de decantação em PVC.

Flotador

O Flotador por Ar Dissolvido MULTIFLOT está destinado ao tratamento de efluentes com carga orgânica alta e material oleoso. O efluente segue por gravidade para câmara de flotação, onde ocorre a separação dos sólidos formados no floculador através da injeção da água saturada de ar. O lodo flotado é continuamente raspado para uma câmara coletora e o efluente clarificado é encaminhado para a próxima etapa do tratamento.

O MULTIFLOT é constituído de Tanque de Floculação com agitador mecânico (melhor tempo de mistura e residência), Sistema de dissolução de ar com tanque de Saturação, Raspador superficial de lodo ajustável e Câmara de flotação. Construído totalmente em aço inox 304 jateado, também dispõe de moto-redutores para o acionamento das partes móveis.

Qualidade

A Multiagua possui certificados pelo ISO 9001 desde 2005, garantindo que todas as atividades sejam geridas pelo sistema da qualidade e monitorados para o processo de melhoria contínua.

A empresa contém Certificados e Licenças que regulamentam as atividades perante aos órgãos de fiscalização CETESB, POLÍCIAS FEDERAL e CIVIL, IBAMA, CORPO DE BOMBEIROS, CRQ e PREFEITURA MUNICIPAL.

Conheça mais sobre certificações e política de privacidade.

Certificações

Certificados pelo ISO 9001 desde 2005, garantindo que todas as atividades sejam geridas pelo sistema da qualidade e monitorados para o processo de melhoria contínua.

A empresa possui Certificados e Licenças que regulamentam as atividades perante aos órgãos de fiscalização CETESB, POLÍCIAS FEDERAL e CIVIL, IBAMA, CORPO DE BOMBEIROS, CRQ e PREFEITURA MUNICIPAL.

Solicite nosso CERTIFICADO ISO 9001:2015 pelo email envio@multiagua.com.br.

NOSSO PROPÓSITO:

A MULTIAGUA tem como propósito, ser referência no segmento de TRATAMENTO DE ÁGUAS INDUSTRIAIS com o comprometimento de garantir a maximização da vida útil dos equipamentos dos clientes.

POLÍTICA DA QUALIDADE:

Através da constante melhoria dos processos, de pessoal qualificado, do desenvolvimento de novas tecnologias e do desempenho profissional de nossos colaboradores, enfocamos como política da qualidade os pilares:

Satisfação dos CLIENTES quanto aos Produtos e Serviços fornecidos

Zelo e Cuidado com a propriedade do CLIENTE

Primazia pelo bom Atendimento ao CLIENTE

Atendimento aos prazos acordados

 

 

Vendedor Converse com um especialista